Investir sem surpresas

Os investimentos com a construção de uma nova planta ou ampliação de instalações na área industrial movimentam uma grande soma de capitais e precisam ser validados com muita antecedência, muitas vezes bem antes de existirem projetos executivos mais detalhados.

A avaliação prévia dos custos da implantação de uma unidade industrial deve ser uma estimativa confiável, ter margens de erro definidas pela fase em que o projeto se encontra e pela quantidade de dados disponíveis e, principalmente, ser a mais próxima possível do futuro orçamento real da obra, para se tornar uma ferramenta eficaz na tomada de decisão.

picture

Estudo econômico

É um valor conhecido como "ordem de grandeza", obtido quando se tem algumas características do que se pretende orçar, tais como a área do terreno, área da construção, altura do prédio, número de pessoas que o utilizarão, porém não há qualquer tipo de detalhamento.

Estudo de viabilidade inicial ou Budget

Realizado quando já existe um esboço ou anteprojeto com mais informações e escopo definidos, e já permite a tomada de uma decisão sobre o prosseguimento ou não do projeto.

Orçamento básico

Se a implantação se mostrar viável, realiza-se o projeto arquitetônico básico, que fornece ao orçamento mais elementos e com melhor nível de precisão para caracterizar a obra ou serviço, o que possibilita a avaliação mais precisa do custo da obra e a definição dos métodos e prazos de execução.

Orçamento executivo

Após a execução dos projetos executivos detalhados, é possível reduzir as indefinições e margens de erro através de mais informações sobre as soluções e especificações complementares que antes não haviam sido projetadas.

A LAX realiza, sem custos, uma avaliação de valores e prazos da sua futura implantação, analisando opções de reduções de custos, otimizações de cronogramas, planejamento básico e caminhos críticos da construção para auxiliar sua empresa a definir se a obra ficará dentro do investimento planejado e da verba disponível.

Esta estimativa, mesmo sendo realizada nas fases mais preliminares, servirá como um balizador para a fase de projetos e de contratação futura dos serviços, diminuindo os possíveis desvios de orçamentos e servindo de base para o planejamento da execução de obra.